Primeira semana de gestação

Mesmo sem que você imagine que já possa estar grávida, muita coisa dentro de você já está acontecendo. Uma transformação incrível irá começar a acontecer!


1ª semana da gestação

Estou grávida! Agora é hora de se preparar bem para ter uma gestação saudável. A primeira semana da gravidez é contada a partir do primeiro dia da sua última menstruação, uma vez que, normalmente, não é possível saber com exatidão o dia da concepção.

A ovulação (liberação do óvulo pelo ovário) ocorre 14 dias antes da próxima menstruação, ou seja, em ciclos menstruais de 28 dias, ocorre na metade. Nesse instante, o corpo começa a se preparar para receber um novo óvulo que poderá ser fecundado.

No dia da ovulação, o corpo pode ter sua temperatura elevada em 1°C.

IMPORTANTE: O ideal é planejar a chegada do bebê, evitando álcool, fumo, drogas, bebidas e anticoncepcionais, principalmente no início da gestação, pois estes podem causar sérios danos ao desenvolvimento do bebê.

Se o planejado é engravidar uma dica é tomar suplementos de ácido fólico três meses antes da concepção e no primeiro trimestre da gravidez. Este é essencial para o desenvolvimento do sistema nervoso do bebê. Geralmente, não é suficiente a quantidade presente nos alimentos que contenha ácido fólico como brócolis, espinafre, gema de ovo, fígado, feijão, peixes. O médico deverá indicar a dose correta. Frequência e teor das consultas de pré-natal Embora o número de consultas varie de acordo com a conduta de cada médico e também conforme as peculiaridades da gestação, em geral a paciente é orientada a retornar ao consultório do obstetra mensalmente até o sétimo mês de gravidez. No oitavo, ocorrem duas visitas, uma em cada quinzena. Já no nono e último mês, o encontro com o especialista passa a ser semanal. Toda essa rotina serve para cuidar da saúde de mãe e filho e acompanhar de perto o desenvolvimento do bebê. Estes são os pontos abordados e as avaliações feitas durante uma consulta de pré-natal: 

  • Conversa com a paciente para saber como anda seu estado geral, quais sintomas vem apresentando e, a partir da 20ª semana, indagação sobre os movimentos do feto.

  • Medição da pressão arterial.

  • Verificação do peso.

  • Aferição da altura do útero e da circunferência abdominal.

  • Ausculta dos batimentos cardíacos do feto.

  • Solicitação de exames médicos (laboratoriais, de imagem e outros, se necessário).


#gestação #gravidez #semanaasemana #testepositivo #grávida #primeirasemana

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo